Topo
O Mundo em Movimento

O Mundo em Movimento

Categorias

Histórico

Em quatro anos, o carro vai voar

Joel Leite

2021-05-20T19:18:29

21/05/2019 18h29

A Boston Consulting garante e a Bosch desenvolve equipamentos para tornar as viagens aéreas seguras

A Bosch está desenvolvendo um sensor de última geração para fazer com que as viagens de carros voadores, sejam seguras, confortáveis e práticas.

A previsão do Boston Consulting é de que, em dez anos, o táxi aero seja um meio de locomoção tão banal que pelo menos um bilhão de viagens serão feitas pelo ar, juntamente com os serviços de carona compartilhada, que também vão estabelecer rotas aéreas fixas. Mas as viagens aéreas, totalmente controladas e operadas mesmo sem a presença de um piloto, serão realidade muito antes disso:

"Os primeiros táxis voadores deverão estar aptos para atuar nas principais cidades já em 2023 e a Bosch planeja desempenhar um papel de liderança na formação desse mercado futuro", disse Harald Kröger, presidente da divisão Automotive Electronics da empresa.

Em vez de mapear o espaço aeroespacial, que seria muito caro, a empresa optou por sensores modernos que são usados na condução autônoma ou no sistema ESP. Dezenas de sensores combinados criaram uma unidade universal de controle para táxis voadores.

Os sensores conseguem determinar a posição do táxi aéreo a todo momento, com o controle da aceleração e de taxa de guinada, conseguindo medir com precisão e segurança os movimentos e o ângulo do veículo. São equipamentos pequenos e leves, já usados na indústria automobilística há muitos anos.

As primeiras cidades a testarem os táxis aéreos serão Dubai, Los Angeles, Dallas e Singapura, isso já em 2020 e as operações comerciais começam em 2023. Inicialmente os táxis serão operados por pilotos, mas num segundo momento as aeronaves voarão de forma autônoma, totalmente controladas por computador. Estima-se que até lá estarão em operação ao redor do mundo cerca de três mil táxis aéreos, passando para 12 mil em 2030 e 100 mil até 2050.

O faturamento estimado pela consultoria Morgan Stanley do setor é de US$ 1.5 trilhão até 2040.

Joel Silveira Leite

Joel Silveira Leite é jornalista e pós graduado em Semiótica e Meio Ambiente. Diretor da Agência AutoInforme, responde pelos sites AutoInforme e EcoInforme. Apresenta o Boletim AutoInforme nas rádios Bandeirantes, Band News e Sulamérica Trânsito. É colunista em várias publicações.

O Mundo em Movimento

O blog O Mundo em Movimento tem a pretensão de falar sobre vários assuntos, além do mundo do automóvel, aventurando-se a discutir política, economia, mídia, sociedade, meio ambiente, gastronomia e postando artigos de terceiros que julgar interessantes.