PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Radar tem tolerância de 7 km/h

Joel Leite

14/01/2020 11h32

Você reparou que nas autuações por velocidade aparece a velocidade real detectada e a velocidade considerada, que é menor? É essa que vale.

Trata-se do limite de tolerância para não ser multado, que considera um eventual erro no radar. O limite de tolerância no Brasil é de 7km/h. A regra vale para todos os tipos de via e para velocidade até 100 km/h. Acima dessa velocidade a tolerância é de 7%.

Muitas vezes o infrator fica revoltado porque foi multado "por apenas 1 km/h a mais". Na verdade esse 1 km é uma velocidade acima dos 7 de tolerância. Nesse caso, portanto, a velocidade real é de 8 km a mais da permitida.

Quem gosta de acelerar no limite, saiba, portanto, que pode considerar esses 7 km a mais (ou 7% em velocidades acima de 100 km/h). E se quiser ser mais rigoroso, faça um teste para verificar se o seu velocímetro está correto: muitas vezes o equipamento também tem uma "folga".

Mas, sejamos prudentes: uns quilômetros a mais não vão resolver a vida de ninguém; não vale a pena arriscar a levar uma multa e acelerar de maneira imprudente, além do limite estabelecido.

Muita gente confunde com os 20% que o Código de Trânsito Brasileiro se refere para diferenciar as multas de velocidade. Ao transitar em velocidade superior à máxima permitida "em até 20%" o infrator toma 4 pontos na carteira. Se passar desse limite, ou seja: andar a mais de 20% da velocidade permitida a punição é de 5 pontos. Se passar de 50% a multa é gravíssima, com 7 pontos na carteira.

Joel Silveira Leite

Joel Silveira Leite é jornalista e pós graduado em Semiótica e Meio Ambiente. Diretor da Agência AutoInforme, responde pelos sites AutoInforme e EcoInforme. Apresenta o Boletim AutoInforme nas rádios Bandeirantes, Band News e Sulamérica Trânsito. É colunista em várias publicações.

O Mundo em Movimento

O blog O Mundo em Movimento tem a pretensão de falar sobre vários assuntos, além do mundo do automóvel, aventurando-se a discutir política, economia, mídia, sociedade, meio ambiente, gastronomia e postando artigos de terceiros que julgar interessantes.